Loading

FNAC proíbe o Sindicato de estar presente no processo de votação para o referendo Banco de horas grupal

 

O que esconde a FNAC?

 

A FNAC inicia hoje o referendo para a implementação do Banco de horas grupal.

Conforme comunicação feita pela empresa, as mesas de voto encontram-se em cada local de trabalho e cada mesa de voto terá uma urna e um caderno eleitoral.

 

Perante a comunicação da empresa, o CESP, como sindicato representativo dos trabalhadores, comunicou à empresa que estaria presente a acompanhar a votação.

 

Ontem, dia 28 de Setembro de 2020, ao final da tarde, recebemos comunicação da empresa a informar que o sindicato está “interdito” de entrar nas instalações da empresa nos dias de votação para o referendo.

 

O que esconde a FNAC? Qual é o medo da FNAC em ter o sindicato a acompanhar o processo de votação?

 

Sabendo que a implementação do banco de horas tem impactos nefastos na vida dos trabalhadores, que coloca em causa o direito à família, ao lazer e à saúde dos trabalhadores, e para assegurar o acompanhamento de um processo que tem de ser transparente, a presença dos representantes dos trabalhadores é essencial!

 

Não abdicamos do direito de representar e defender os interesses e direitos dos trabalhadores! Não aceitamos que a questão epidémica sirva de pretexto para limitar os direitos sindicais previstos na lei e na Constituição da República Portuguesa!

 

 

O CESP continuará a denúncia pública e tudo fará para garantir os direitos dos trabalhadores, em particular o direito a horários de trabalho regulados. 

Plenários de Trabalhadores da DHL:

 

Vila Nova da Rainha - 6 de Outubro (Terça - Feira)

(Turno 1) das 14h às 16h / (Turno 2) das 16h às 18h

 

Alverca - 7 de Outubro (Quarta - Feira) 

(Turno 1) das 10h às 12h / (Turno 2) das 17h às 19h

 

Vialonga - 8 de Outubro (Quinta - Feira) 

(Turno 1) das 14h às 16h / (Turno 2) das 16h às 18h

 

Carregado - 9 de Outubro (Sexta - Feira) 

(Turno 1) das 14h às 16ho / (Turno 2) das 16h às 18h

 

Palmela - 12 de Outubro (Segunda - Feira) 

(Turno 1) das 10h às 12h

 

Espadanal da Azambuja - 12 de Outubro (Segunda - Feira)

(Turno 1) das 15h às 17h / (Turno 2) das 17h e as 19h

 

+Informações

Greve dos Trabalhadores das IPSS no dia 1 de Outubro de 2020

 

Concentração às 11h30 junto à sede da CNIS, no Porto

 

Pelo aumento dos salários de todos os trabalhadores

 

Pela valorização da carreira profissional de todos os trabalhadores da “linha da frente”

 

+Informações

Pré-aviso de Greve
Pré aviso de Greve - IPSS's - 1 de Outub
Adobe Acrobat Document 77.1 KB

24 de Setembro

Vigília dos Trabalhadores do Pingo Doce / Jerónimo Martins contra o Banco de horas

Sede da empresa, no Campo Grande (Lisboa) das 10h às 18h

 

Os trabalhadores e o CESP lutam contra a implementação do banco de horas grupal.

 

A Luta dos trabalhadores em Portugal e no Mundo por jornadas de trabalho máximas de 8h atravessam séculos e a redução dos períodos normais de trabalho diário e semanal são factor de progresso das relações de trabalho e questão essencial para possibilitar a conciliação entre a vida pessoal e familiar e a vida profissional.

 

As questões relacionadas com os tempos de trabalho têm importância acrescida em empresas em que a larga maioria dos trabalhadores são mulheres, exactamente numa sociedade em que o apoio à família continua a ser feito essencialmente por mulheres.

 

Estas “estratégias” patronais de redução dos custos do trabalho, por via do alargamento das jornadas de trabalho beneficia única e exclusivamente os patrões. Aumenta os seus lucros e reduz o rendimento dos trabalhadores e o número de postos de trabalho.

 

Para além de tudo isto, o Pingo Doce / Jerónimo Martins pretende obrigar todos os trabalhadores a cumprir banco de horas grupal, por ter sido este o desejo da maioria dos trabalhadores das duas empresas. Falta o Pingo Doce / Jerónimo Martins responder em que condições os trabalhadores votaram. Esquece-se o Pingo Doce de dizer que os trabalhadores votaram “livremente” na sala do gerente, com este presente e a ver como votava o trabalhador? Esquece-se o Pingo Doce de dizer que os trabalhadores foram todos pressionados para votar sim, caso contrário deixariam de receber prémios? Esquece-se o Pingo Doce de dizer que não deixou os trabalhadores e o CESP fiscalizar o processo? De que tem/ teve medo o Pingo Doce? 

 

Combater o banco de horas é um imperativo para defender o direito à família, ao lazer e à saúde dos trabalhadores do Pingo Doce e da Jerónimo Martins.

 

Combater o Banco de Horas é avisar o Pingo Doce, a Jerónimo Martins e todas as empresas de distribuição e a APED de que os Trabalhadores Não querem e não aceitam banco de horas nem desregulação dos horários de trabalho.

 

A Secretária Geral da CGTP-IN, Isabel Camarinha estará no local às 15h para prestar toda a solidariedade do Movimento Sindical Unitário aos trabalhadores do Pingo Doce / Jerónimo Martins.

Reunião com Montepio Rainha D. Leonor

 

No dia 26 de Agosto, o CESP reuniu com a Instituição para resolver várias questões, nomeadamente, o pagamento do trabalho suplementar realizado pelos trabalhadores desde Março de 2020.

 

O CESP entende que a Instituição deve, de acordo com o compromisso assumido com os trabalhadores, cumprir com o estipulado no Contrato Colectivo de Trabalho (CCT) para os trabalhadores das IPSS’s, até que novo CCT seja acordado com a RedeMut.

 

A forma de compensação do trabalho suplementar é o pagamento, e foi isto que o CESP defendeu na reunião com o Montepio.

 

+Informações

Reunião com a Empresa ETCP

 

No dia 04 de Agosto de 2020 os representantes do Cesp reuniram com os representantes da empresa para discutir os seguintes assuntos:

 

  • Aumentos Salariais
  • Plano de Contingência
  • Horários de Trabalho
  • Quinta-feira da Espiga
  • Terça-feira de Carnaval
  • Pagamento feriado
  • Férias
  • Máquina de Vending

 

+Informações

DIZ NÃO AO TRABALHO DE BORLA!

DIZ NÃO AO BANCO DE HORAS!

TRABALHADORES DA SONAE, 21 A 27 DE SETEMBRO, VOTA NÃO!

 

A SONAE pretende aplicar o Banco de Horas Grupal através da realização de um referendo de 21 a 27 de Setembro.

 

Neste contexto, a empresa iniciou uma vasta campanha de desinformação que visa apenas enganar os trabalhadores e levá-los a votar sim no referendo para a aplicação do banco de horas grupal.

 

Informa-te junto do teu sindicato sobre o banco de horas e as implicações que terá na tua vida familiar e pessoal!

 

NÃO TE DEIXES MANIPULAR!

SINDICALIZA-TE!

 

+Informação

FNAC: Não pago as contas, a casa e a comida com o banco de horas!

 

A Fnac paga o salário mínimo nacional aos trabalhadores até 8 anos de trabalho e 650€ para quem está há mais de 8 anos na empresa, e muitos dos trabalhadores não são aumentados há vários anos!

 

Com o banco de horas a Fnac pode obrigar-te a trabalhar mais duas horas por dia. O trabalhador vai ficar 12 horas afastado da família pelo mesmo salário!

 

+Informação

ÚLTIMAS NOTÍCIAS CGTP-IN:

CGTP-IN assinala 50.º aniversário com exposição comemorativa (Tue, 29 Sep 2020)
>> Read More

CGTP-IN saúda os trabalhadores pela grande participação na Acção de Luta Nacional (Mon, 28 Sep 2020)
>> Read More

Acção de Luta Nacional - Lisboa (Sun, 27 Sep 2020)
>> Read More

Acção de Luta Nacional (Sun, 27 Sep 2020)
>> Read More

Faleceu Ana Vale (Sun, 27 Sep 2020)
>> Read More

ÚLTIMAS NOTÍCIAS ACÇÃO E LUTA:

Despedimento em fábrica têxtil que pediu insolvência e volta a abrir noutro local (Tue, 29 Sep 2020)
>> Read More

Enfermeiros algarvios levam petição à AR pelo direito a progredir na carreira (Tue, 29 Sep 2020)
>> Read More

O que esconde a FNAC? (Tue, 29 Sep 2020)
>> Read More

ÚLTIMAS NOTÍCIAS US LISBOA:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS US SANTARÉM:

Contacto com a Autoridade para as Condições de Trabalho no Distrito de Santarém (Fri, 28 Aug 2020)
>> Read More

Eleitos novos órgão da USS/CGTP-IN (Wed, 20 Nov 2019)
>> Read More

XI Congresso: Reforçar a organização para avançar na luta. (Wed, 06 Nov 2019)
>> Read More

Carteiros do Entroncamento em luta por respeito. (Wed, 09 Oct 2019)
>> Read More


Aplicação CESP para telemóveis

Digita o endereço abaixo no navegador do seu telemóvel ou fotografa o QR Code com o leitor de código de barras do teu aparelho:

http://app.vc/cespsindicato


Garante os teus direitos. Sindicaliza-te

Tel: 222 074 200

Fax: 222 037 674

Folheto
LUPA FINAL.jpg
JPG Image 549.9 KB
CGTP-IN
Garante os teus direitos. Sindicaliza-te

Contactos CESP
CESP Notícias
Interjovem - CESP Jovem