Loading

Pré-aviso de Greve - Comércio a Retalho do Distrito de Braga - 30 de Julho
Pré- aviso Greve Comércio a Retalho do D
Adobe Acrobat Document 74.8 KB
Pré-aviso de Greve - El Corte Inglés - Trabalho prestado em dia feriado - 1 Julho a 31 Dezembro
Pré aviso de Greve - El Corte Inglês - T
Adobe Acrobat Document 68.8 KB
Pré-aviso de Greve - Makro - Trabalho prestado em dia feriado - 1 Julho a 31 Dezembro
Pré aviso de Greve - Makro Cash & Carry
Adobe Acrobat Document 70.9 KB
Pré-aviso de Greve - DIA/Minipreço - Trabalho prestado em dia feriado e Trabalho suplementar - 1 Julho a 31 Dezembro
Pré-aviso de Greve Dia Minipreço - Armaz
Adobe Acrobat Document 69.1 KB

Mutualidades atrasam negociação colectiva

 

Negociação lenta devido à Comissão Negocial Patronal, que suspendeu o processo durante largos períodos e mantém-se intransigente na aposta de retirada de direitos e na manutenção de baixos salários.

 

É preciso valorizar o Contrato Colectivo de Trabalho e os direitos dos trabalhadores!

 

NÃO ACEITAMOS A RETIRADA DE DIREITOS!

 

+Informações

Na Rádio Popular vale a pena lutar!

 

O CESP tem vindo a colocar várias questões e problemas com o objectivo de melhorar e fazer cumprir as várias matérias dos CCT das diferentes regiões e felizmente algumas delas têm sido corrigidas e principalmente aplicadas.

 

É uma enorme conquista que pela primeira vez a empresa cumpra o pagamento das médias retributivas que equivale a um melhoramento salarial! 

 

Vamos continuar a luta para que a empresa cumpra integralmente os diferentes Contratos Colectivos de Trabalho.

 

+Informações

Auchan obrigada a recuar

CESP garante postos de trabalho

 

A empresa My Auchan encerrou a sua loja da Av. do Brasil no passado mês de Maio.

 

A empresa pretendia fazer o despedimento por extinção do posto de trabalho de 2 trabalhadores existentes na loja, que já estavam com contrato de efectivo.

 

O CESP requereu a intervenção da ACT porque considerava ilegal a extinção destes postos de trabalho.

 

A ACT deu razão ao CESP e aos trabalhadores.

 

Com a intervenção do CESP, estes trabalhadores conseguiram assim manter os seus postos de trabalho e foram transferidos para outros estabelecimentos da empresa.

 

Vale a pena Lutar!

Maxmat garante haver manutenção dos postos de trabalho, dos salários e direitos

 

No passado dia 2 de Julho, o CESP reuniu com representantes da empresa para discutir o futuro, com a anunciada venda ao Grupo BME, que já detinha participações na empresa.

 

Da reunião, ficou claro que:

  • A venda corresponde apenas a uma alteração da estrutura accionista. O Grupo SONAE vendeu toda a sua participação ao Grupo BME;
  • A Maxmat continua a ser filiada na APED, a associação patronal do sector, pelo que todos os direitos dos trabalhadores se mantêm, não havendo qualquer limite temporal à manutenção dos direitos dos trabalhadores;
  • A Maxmat garantiu ainda não estar prevista qualquer redução dos postos de trabalho, quer dos trabalhadores das lojas quer dos trabalhadores afectos aos serviços centrais (trabalhadores da SONAE).

 

+Informações

Comissão paritária no São João de Deus é “finta” para impedir a progressão

 

À revelia dos trabalhadores, o Instituto S. João de Deus, realizou, no passado dia 14 de Abril, em todos os seus estabelecimentos, a eleição de representantes dos trabalhadores para constituição da comissão paritária. 

 

Acresce a circunstância do representante dos trabalhadores supostamente eleito, ser um quadro de chefia.

 

Os trabalhadores questionam a legitimidade do acto eleitoral, atendendo a eleição duvidosa do trabalhador em questão.

 

+Informações

Comércio Grossista Produtos Químicos e Farmacêuticos: Novos Salários e Subsídios com efeitos a 1 de Janeiro de 2021

 

O CESP chegou a acordo para revisão dos salários e subsídios para o ano de 2021, conseguindo o aumento de todas as cláusulas de expressão pecuniária e de todos os níveis da tabela salarial.

 

Foi ainda decido requerer a Portaria de Extensão para que os salários e subsídios acordados se apliquem a todos os trabalhadores das empresas grossistas de produtos químicos.

 

Matérias acordadas de expressão pecuniária

 

  • Os trabalhadores têm direito, por cada dia de trabalho, a um subsídio de refeição no valor de 6,50€;
  • Diuturnidades - 37,50€ cada uma;
  • Abono para falhas de caixa - 36,60€.

 

Tabela Salarial

Concluída negociação do Acordo de Empresa na GesLoures

Trabalhadores reforçam os seus direitos

 

Novos Salários

desde 1 de Março de 2021

 

MATÉRIAS ACORDADAS

  • Aumentos salariais para todos trabalhadores, com o mínimo de 40€;
  • Aumento no subsídio de refeição de 0,83€/dia, para os 7,15€ (subsídio da função pública, acrescido de 50%);
  • retirada de cláusula cuja progressão dependia de habilitações especificas para a sua progressão;
  • Redução do horário semanal das 38h para as 35h;
  • Criação de novos escalões com diferenciação de 45€, por cada 4 anos de antiguidade;
  • Tolerância de ponto em: aniversário, 24 e 31 de Dezembro.

 

Tabela Salarial

Greve dos trabalhadores dos Armazéns da DHL Supply Chain nos dias 16 e 17 de Julho

 

Piquete e Concentração dos trabalhadores dos Armazéns da DHL às 7h em frente do Armazém em Alverca

 

Os trabalhadores da DHL ganham salários de miséria, poucos euros acima do Salário Mínimo Nacional.

 

Na mesa de negociação ou no local de trabalho, não nos demitimos do nosso papel de dinamizar a luta por melhores salários, por horários dignos, por mais e melhores condições de trabalho nos armazéns.

 

+Informações

Mercadona tenta ludibriar os trabalhadores

 

O Mercadona usa artifícios para dizer que é melhor que qualquer outro patrão mas, na verdade, ataca de igual forma os direitos dos trabalhadores e os seus direitos.

 

Vejamos:

 

  • O Mercadona obriga os trabalhadores a assinarem um contrato individual de trabalho, onde está definido que o pagamento do subsídio de Natal e de Férias é pago em duodécimos. 
  • O que o Mercadona faz é pagar o Salário Mínimo Nacional!
  • O que o Mercadona faz depois, com mais um dos seus artifícios, é pagar um suplemento aos trabalhadores que vai diminuindo, de cada vez que o Salário Mínimo Nacional sobe.

 

Se o Mercadona quer pagar mais, pode pagar mais. Não há lei que o proíba. Mas porque não está tudo como salário?

 

+Informações

ÚLTIMAS NOTÍCIAS CGTP-IN:

"Formação Profissional e Qualificação” acordo adia as soluções e perpétua os problemas (Mon, 26 Jul 2021)
>> Read More

Faleceu Otelo Saraiva de Carvalho (Mon, 26 Jul 2021)
>> Read More

Travar os despedimentos e o aproveitamento da pandemia (Mon, 19 Jul 2021)
>> Read More

Jornada de Acção e Luta - 15 de Julho, Lisboa (Mon, 12 Jul 2021)
>> Read More

Intervenção da Secretária-geral no encerramento da Jornada de Acção e Luta (Thu, 15 Jul 2021)
>> Read More

ÚLTIMAS NOTÍCIAS ACÇÃO E LUTA:

Super Bock: Falta de acordo para revisão do ACT antecipa acções de luta (Tue, 27 Jul 2021)
>> Read More

FENPROF: Que nenhum docente seja impedido de progredir (Tue, 27 Jul 2021)
>> Read More

Luta conquistou aumentos de salários nas indústrias (Tue, 27 Jul 2021)
>> Read More

Braga: Greve dos trabalhadores do comércio a retalho por melhores condições de trabalho (Tue, 27 Jul 2021)
>> Read More

Dois mil trabalhadores não docentes despedidos da rede pública de ensino (Tue, 27 Jul 2021)
>> Read More


Aplicação CESP para telemóveis

Digita o endereço abaixo no navegador do seu telemóvel ou fotografa o QR Code com o leitor de código de barras do teu aparelho:

http://app.vc/cespsindicato


Garante os teus direitos. Sindicaliza-te

Tel: 222 074 200

Fax: 222 037 674

Folheto
LUPA FINAL.jpg
JPG Image 549.9 KB
CGTP-IN
Garante os teus direitos. Sindicaliza-te

Contactos CESP
CESP Notícias
Interjovem - CESP Jovem